Lusiadas.pt | Blog | Prevenção e Estilo de Vida | Nutrição e Dieta | Devemos evitar beber leite de vaca?
2 min

Devemos evitar beber leite de vaca?

As dúvidas em relação às vantagens da ingestão de leite de vaca surgem frequentemente. Diana e Silva, coordenadora da Unidade de Nutrição Clínica do Hospital Lusíadas Porto, Ana Rita Lopes, coordenadora da Unidade de Nutrição Clínica do Hospital Lusíadas Lisboa e a nutricionista Lillian Barros, da Clínica Lusíadas Faro, fornecem algumas respostas.

A ingestão de leite de vaca tem gerado, nos últimos tempos, grandes controvérsias. Se por um lado há especialistas que destacam os seus malefícios, outros defendem o consumo diário para suprir uma série de nutrientes de que o organismo precisa, nomeadamente o cálcio.

Vantagens do leite de vaca

“Assiste-se a um abandono cada vez maior do consumo do leite de vaca”, refere a nutricionista Diana e Silva, coordenadora da Unidade de Nutrição Clínica do Hospital Lusíadas Porto. Esta opção pode, no entanto, não ser a mais acertada. “Se uma pessoa tolerar bem o leite, se não lhe causar qualquer problema de digestibilidade, deve consumi-lo. O leite tem cálcio e vitamina D que servem para mantermos os nossos ossos saudáveis”.

Leite sem lactose

Ana Rita Lopes acrescenta: no caso de intolerância “o leite de vaca pode ser substituído por leite com baixo teor em lactose ou por leite sem lactose (em que é adicionada uma enzima, a lactase, responsável pela degradação da lactose presente no leite). Mas se não se quiser beber leite tem de substituir por alimentos com igual valor proteico. 

Lillian Barros, nutricionista da Clínica Lusíadas Faro, adverte, no entanto, para alguns riscos na substituição do leite de vaca por bebidas vegetais: “As bebidas coco, aveia, arroz não são realmente leite e até podiam ser apelidados de sumos. Quem os consome tem de procurar outras fontes proteicas que este alimento sozinho não fornece.”

Os leites vegetais

Para Ana Rita Lopes, coordenadora da Unidade de Nutrição Clínica do Hospital Lusíadas Lisboa, as bebidas de origem vegetal, quando comparadas com o leite de vaca apresentam algumas vantagens, como:

  • Não contêm lactose;
  • Têm um teor inferior de ácidos gordos saturados (exceto a bebida de coco);
  • Presença de fibra alimentar.

Mas apresentam igualmente algumas desvantagens:

  • Baixo valor proteico (exceto a bebida de soja);
  • Não contêm naturalmente cálcio e vitamina B12, pelo que é importante confirmar (através da leitura do rótulo) que a bebida foi suplementada com estes nutrientes;
  • Custo elevado.

Os prós e contras do leite de vaca

Verifica-se, assim, que o leite de vaca é, não só mais rico ao nível do teor de proteína, como é o único que contém naturalmente presentes cálciovitamina B12. “Contudo, de um modo geral, as bebidas de origem vegetal apresentam valores equivalentes de vitaminas e minerais, uma vez que são submetidas a um processo de suplementação”, acrescenta Ana Rita Lopes, sem deixar de alertar que, ao comparar marcas diferentes, “é nas bebidas de origem vegetal que se verificam maiores diferenças nutricionais, pelo que é importante a leitura atenta dos rótulos”.

Ler mais sobre

Factos e Mitos

Este artigo foi útil?

We appreciate the feedback.

Please include your email if you want us to follow up with you.

PT