Lusiadas.pt > Blog > Doenças > Sintomas e tratamentos > Saúde em Dia: Vigiar as sequelas que ficam depois da COVID-19
1 min

Saúde em Dia: Vigiar as sequelas que ficam depois da COVID-19

O 2.º episódio da websérie “Saúde em Dia” aborda o impacto da COVID-19 na saúde, mesmo depois de a infeção ter terminado.

O teste negativo não significa sempre o final da doença. A síndrome pós-Covid, para a qual o grupo Lusíadas Saúde criou uma consulta específica, consiste no aparecimento de novos sintomas ou na perpetuação de algumas queixas, mesmo depois de o vírus ter desaparecido. Entre eles estão a fadiga, a dor no peito, palpitações ou alterações de memória. 

É fundamental consultar um médico caso estes sintomas se manifestem, alerta Patrícia Maia, coordenadora da Unidade de Medicina Geral e Familiar do Hospital Lusíadas Lisboa, no segundo episódio da websérie “Saúde em Dia”, criada pelo grupo Lusíadas Saúde em parceria com o jornal Público. Com moderação do jornalista Paulo Farinha, assista à conversa sobre esta síndrome, que pode surgir vários meses depois da infeção e que pode ter um impacto grande na saúde, bem-estar e qualidade de vida. 

Ler mais sobre

Coronavírus

Este artigo foi útil?

Colaboração

Dra. Patrícia Maia

Coordenador da Unidade de Medicina Geral e Familiar

Hospital Lusíadas Lisboa:
PT